segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Redação - Proposta 2017V1 - Big data (UFU, Enem e demais vestibulares.)

Leia com atenção os textos abaixo:

Texto 01.
“Dados são o oráculo dos novos tempos. E quem os decifra são multidões formadas por especialistas e curiosos trabalhando em conjunto. Assim pode ser descrita a pesquisa científica que utiliza Big Data (imenso conjunto de dados armazenados) e a colaboração propiciada pela internet para entender e prever fenômenos que vão de epidemias a ataques terroristas.
O novo método só é possível porque não paramos de deixar rastros quando usamos as tecnologias digitais. Os números que você está gerando ao ler esta reportagem servirão para os jornalistas que a redigiram saberem o alcance que ela teve. Se fossem analisados com bons modelos matemáticos, poderiam indicar para o jornalista quais são os temas e qual o estilo de texto que você mais vai gostar no futuro próximo.
O que você busca no Google, as notícias que você clica, o que você publica nas redes sociais, tudo serve aos pesquisadores de dados.”

Texto 02.
“Quando quis agilizar o processo de seleção de novos alunos, a tradicional faculdade britânica de medicina St. George usou um software para definir quem deveria ser entrevistado. Ao reproduzir a forma como os funcionários faziam essa escolha, o programa eliminou, de cara, 60 de 2.000 candidatos. Só por causa do sexo ou origem racial, numa dedução baseada em sobrenome e local de nascimento. Um estudo sobre o caso foi publicado em 1988, mas, 25 anos depois, outra pesquisa apontou que esse tipo de discriminação segue firme. O exemplo recente envolve o buscador do Google: ao digitar nomes comuns entre negros dos EUA, a chance de os anúncios automáticos oferecerem checagem de antecedentes criminais pode aumentar 25%. Para piorar, com a pergunta “arrested?” (detido?) logo após a palavra procurada.
Casos como esses escancaram que a tecnologia tem reproduzido comportamentos preconceituosos dos quais a maioria diz não se orgulhar. Já são inúmeras as provas de como essas ferramentas estão cada vez melhores em imitar, também, o nosso pior lado. Quando se baseiam em nomes para segregar pessoas, por exemplo, os softwares mostram que qualquer semelhança com a realidade não é mera coincidência. Um levantamento recente indica que, nos EUA, hóspedes com nomes comuns entre negros - como Aisha, Keisha, Tyrone e Leroy - têm 16% menos chances de sucesso no site Airbnb (com exceção dos nomes, os perfis usados nos testes eram idênticos). E aqui não dá para culpar a tecnologia: a decisão de aceitar ou recusar os pedidos de locação cabia somente aos proprietários dos imóveis.”

Texto 03.
“Em tecnologia da informação, o termo Big Data ("megadados" em português) refere-se a um grande conjunto de dados armazenados. Diz-se que o Big Data se baseia em 5 V's : velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.[1]'[2][3][4]
Big Data é um termo amplamente utilizado na atualidade para nomear conjuntos de dados muito grandes ou complexos, que os aplicativos de processamento de dados tradicionais ainda não conseguem lidar. Os desafios desta área incluem: análise, captura, curadoria de dados, pesquisa, compartilhamento, armazenamento, transferência, visualização e informações sobre privacidade dos dados. Este termo muitas vezes se refere ao uso de análise preditiva e de alguns outros métodos avançados para extrair valor de dados, e raramente a um determinado tamanho do conjunto de dados. Maior precisão nos dados pode levar à tomada de decisões com mais confiança. Além disso, melhores decisões podem significar maior eficiência operacional, redução de risco e redução de custos.
A análise adequada de tais grandes conjuntos de dados permite encontrar novas correlações, como por exemplo: "tendências de negócios no local, prevenção de doenças, combate à criminalidade e assim por diante". Cientistas, empresários, profissionais de mídia e publicidade e Governos regularmente enfrentam dificuldades em áreas com grandes conjuntos de dados, incluindo pesquisa na Internet, finanças e informática de negócios. Os cientistas, por exemplo, encontram limitações no trabalho de e-Ciência, incluindo Meteorologia, simulações físicas complexas, além de pesquisa biológica e ambiental.”

Situação 2017V1-A - Dissertação (USP, Unesp, Uniube, etc.)
Faça uma dissertação sobre as relações entre os seguintes aforismos:

“A informação é a gasolina do século XXI e a análise desses dados é o motor de combustão.” (Peter Sondergaard)

“Os dados são a nova ciência. O Big Data são as respostas.” (Pet Gelsinger)

“Os dados são o petróleo do século XXI. A implantação de sensores e o aumento da capacidade de processamento são as chaves da transformação de muitos setores e da criação de um mundo mais medível e programável.” (Cesar Alierta)

Instruções:
1. Lembre-se de que a situação de produção de seu texto requer o uso da norma padrão da língua portuguesa.
2. A redação deverá ter entre 25 e 30 linhas.
3. Dê um título a sua redação.

Situação 2017V1-B – Outros gêneros textuais – crônica (UFU, Unicamp, UEL, etc.)
Escreva uma crônica a respeito das possibilidades de aplicação das análises feitas a partir de Big Data.

Instruções gerais:
1. Se for o caso do gênero textual em questão, dê um título para sua redação. Esse título deverá deixar claro o aspecto da situação escolhida que você pretende abordar.
3. Se a estrutura do gênero selecionado exigir assinatura, escreva, no lugar da assinatura: José ou Josefa. Em hipótese alguma escreva seu nome, pseudônimo, apelido, etc. na folha de prova.
4. Utilize trechos dos textos motivadores (da situação que você selecionou) e parafraseie-os.
5. Não copie trechos dos textos motivadores ao fazer sua redação.
6. Quanto ao número mínimo e máximo de linhas e de acordo com o vestibular pretendido, informe qual o vestibular que você irá prestar para que possamos adequar a correção às exigências do concurso escolhido.

Situação 2017V1-C - Carta argumentativa (UFU, Unicamp, UEL, etc.)
Escreva uma carta argumentativa destinada ao Facebook ou ao Google com o intuito de propor limites para que o Big Data não seja usado de forma a comprometer a privacidade das pessoas que usam redes sociais.

Situação 2017V1-D – Artigo de opinião (UFU, Unicamp, UEL, etc.)
Faça um artigo de opinião sobre os riscos para as pessoas do amplo uso de Big Data para se fazer análises do comportamento e das escolhas delas quanto ao que gostam de comer, ver, ouvir, ler, comprar, etc.

Situação 2017V1-E – Editorial (UFU, Unicamp, UEL, etc.)
Faça um editorial sobre as mudanças na vida social provocadas pelo crescimento vertiginoso do espaço para armazenamento e da capacidade de processamento de dados.

Instruções UFU:
1. Após a escolha de uma das situações, assinale sua opção no alto da folha de resposta e, ao redigir seu texto, obedeça às normas do gênero selecionado.
2. Se for o caso, dê um título para sua redação. Esse título deverá deixar claro o aspecto da situação escolhida que você pretende abordar.
3. Se a estrutura do gênero selecionado exigir assinatura, escreva, no lugar da assinatura: JOSÉ OU JOSEFA. Em hipótese alguma escreva seu nome, pseudônimo, apelido, etc. na folha de prova.
4. Utilize trechos dos textos motivadores (da situação que você selecionou) e parafraseie-os.
5. Não copie trechos dos textos motivadores, ao fazer sua redação.
6. Mínimo de 25 e máximo de 30 linhas.
7. ATENÇÃO: se você não seguir as instruções da orientação geral e as relativas ao tema que escolheu, sua redação será penalizada.

Situação 2017V1-F - Dissertação (Enem)
A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “era da informação: como fazer com que essa quantidade inédita de dados produzidos possa ser positiva para a evolução da humanidade?”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Instruções Enem:
1. O rascunho da redação deve ser feito no espaço apropriado.
2. O texto definitivo deve ser escrito à tinta, na folha própria, em até 30 linhas.
3. A redação com até 7 (sete) linhas escritas será considerada “insuficiente” e receberá nota zero.
4. A redação que fugir ao tema ou que não atender ao tipo dissertativo-argumentativo receberá nota zero.
5. A redação que apresentar proposta de intervenção que desrespeite os direitos humanos receberá nota zero.

6. A redação que apresentar cópia dos textos da Proposta de Redação ou do Caderno de Questões terá o número de linhas copiadas desconsiderado para efeito de correção.