domingo, 19 de junho de 2016

Redação - Proposta 2016-41 - inteligência artificial

Leia atentamente os textos abaixo.

Texto 01.
“Inteligência Artificial (IA) é um ramo da ciência da computação que se propõe a elaborar dispositivos que simulem a capacidade humana de raciocinar, perceber, tomar decisões e resolver problemas, enfim, a capacidade de ser inteligente.
Existente há décadas, esta área da ciência é grandemente impulsionada com o rápido desenvolvimento da informática e da computação, permitindo que novos elementos sejam rapidamente agregados à IA.”

Texto 02.
“Steve Wozinak é mais um dos que integram o time dos executivos da tecnologia que acreditam que o desenvolvimento da inteligência artificial poderá ultrapassar os limites imaginados. Mas, ao contrário do time dos que estão preocupados com possíveis mortes e desastres, o cofundador da Apple que, assim como o Google, acredita que as máquinas não representarão nenhum perigo real para a sociedade.
Em um discurso realizado essa semana na Freescale Technology Forum 2015, no Texas, Estados Unidos, Wozniak disse que é bastante provável que no futuro as máquinas se tornem mais inteligentes do que os seres humanos e os mantenham como animais de estimação. ‘Elas estão se tornando mais espertas do que nós e se eles são mais espertos do que nós, então elas vão perceber que precisam de nós", disse ele.
De acordo com o executivo, a inteligência artificial está se popularizando pelo mundo com a internet das coisas e deve em breve ficar tão inteligente que perceberão que os seres humanos são parte da natureza. ‘Eles vão nos ajudar. Para eles, nós seremos uma espécie de deuses originais’, explicou.”

Texto 03.
“Existem vários ramos de estudo em sistemas inteligentes, cada um se dedicando a um aspecto específico do comportamento humano. ‘Por exemplo, há quem estude robôs e se preocupe com a parte motora. Outras áreas se debruçam sobre a fala, com o objetivo de criar máquinas que possam conversar, entender a língua e seus significados’, diz Módolo. O professor também afirma que todas as pesquisas são muito especializadas e, por isso, não há ninguém que se dedique a construir uma máquina que reproduza o ser humano em sua totalidade - como acontece em filmes de ficção científica. Também, por essa razão, é muito pouco provável a produção de robôs que se tornem mais inteligentes que os humanos e possam se ‘rebelar’. ‘Eu não vejo a possibilidade de um androide similar ao homem. Existem pesquisas que tentam fazer com que o computador seja capaz de aprender, mas, mesmo assim, ele continua não tendo conhecimento de mundo’, explica o professor.”

Situação 2016-41A - Dissertação (USP, Unesp, etc.)
Faça uma dissertação sobre a seguinte questão:

No futuro, haverá máquinas que pensam de forma autônoma e, talvez, mesmo de forma criativa, mas não haverá as que sintam.

Instruções:
1. Lembre-se de que a situação de produção de seu texto requer o uso da norma padrão da língua portuguesa.
2. A redação deverá ter entre 25 e 30 linhas.
3. Dê um título a sua redação.

Situação 2016-41B – Outros gêneros textuais – comentário de internet (Unicamp, UEL, etc.)
Vá ao endereço informado na fonte do texto três e leia-o todo para que você possa deixar um comentário a respeito. Escreva seu comentário como se fosse publicá-lo a fim de expressar uma opinião a respeito do que foi informado no texto.

Instruções gerais:
1. Se for o caso do gênero textual em questão, dê um título para sua redação. Ele deverá deixar claro o aspecto da situação escolhida que você pretende abordar.
2. Não copie trechos dos textos motivadores ao fazer sua redação.
3. Quanto ao número mínimo e máximo de linhas e de acordo com o vestibular pretendido, informe qual o vestibular que você irá prestar para que possamos adequar a correção às exigências do concurso escolhido.

Situação 2016-41F - Dissertação (Enem)
A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “inteligência artificial, direitos humanos e futuro da humanidade”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Instruções Enem:
1. O rascunho da redação deve ser feito no espaço apropriado.
2. O texto definitivo deve ser escrito à tinta, na folha própria, em até 30 linhas.
3. A redação com até 7 (sete) linhas escritas será considerada “insuficiente” e receberá nota zero.
4. A redação que fugir ao tema ou que não atender ao tipo dissertativo-argumentativo receberá nota zero.
5. A redação que apresentar proposta de intervenção que desrespeite os direitos humanos receberá nota zero.
6. A redação que apresentar cópia dos textos da Proposta de Redação ou do Caderno de Questões terá o número de linhas copiadas desconsiderado para efeito de correção.