domingo, 24 de maio de 2015

Atualidades - Coletânea de textos e indicações - 2015-14

Caras e caros,

Boa tarde. Eis os textos e indicações desta semana. Boa leitura a todos.








Indicação 01.
Fonte: Lawrence Beitler. Agosto de 1930. Marion, Indiana.
Nota: Thomas Shipp e Abram Smith, dois homens negros, foram acusados de matar um homem branco e de estuprar sua esposa, por isso, apesar de ter sido uma suspeita jamais comprovada, foram enforcados. A autoria dos crimes nunca foi comprovada e a multidão branca de justiceiros jamais foi mesmo repreendida pelas autoridades.

Indicação 02.
Nota: música composta como um poema por Abel Meeropol, um professor judeu norte-americano, e eternizada pela diva do Jazz Billie Holiday. "Strange fruit" é uma forma de repudiar os constantes linchamentos de negros em especial no sul dos EUA que ocorriam regularmente até a Segunda Grande Guerra.

Strange Fruit
(Abel Meeropol)

Southern trees bear strange fruit,
Blood on the leaves and blood at the root,
Black body swinging in the Southern breeze,
Strange fruit hanging from the poplar trees.

Pastoral scene of the gallant South,
The bulging eyes and the twisted mouth,
Scent of magnolia sweet and fresh,
Then the sudden smell of burning flesh!

Here is fruit for the crows to pluck,
For the rain to gather, for the wind to suck,
For the sun to rot, for the trees to drop,

Here is a strange and bitter crop.

Fruto Estranho

Árvores do sul estão carregadas de um fruto estranho
Sangue nas folhas e sangue nas raiz
Corpos negros balançando na brisa do sul
Fruto estranho penduradas nos álamos

Pastoril cena do galante sul
Os olhos inchados e a boca torcida
Perfume de magnólia doce e fresco
Depois o repentino cheiro de carne queimada

Aqui está o fruto para os corvos arrancarem
Para a chuva recolher, para o vento sugar
Para o sol apodrecer, para as árvores fazer cair
Aqui está a estranha e amarga colheita.

Abraços,

Professor Estéfani Martins