segunda-feira, 29 de outubro de 2012

A dissertação no Enem (todos os temas do Enem)


A dissertação no Enem

“Antes de escrever, aprenda a pensar.”
(Boileau)

"A leitura torna o homem completo; a conversação torna-o ágil; e o escrever dá-lhe precisão."
(Francis Bacon)

            A prova de redação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) exige a confecção de um texto que se enquadre no gênero textual dissertativo e que expresse de forma clara e contundente um posicionamento acerca do tema do exame. O assunto da prova quase sempre sugere que o candidato proponha uma solução para um problema relacionado a questões de caráter social especialmente. De certa forma, a prova de redação tem o intuito de avaliar a capacidade do candidato de resolver situações-problema de forma positiva para a sociedade e com atenção à Declaração Universal dos Direitos do Homem e a conceitos de cidadania. Para tanto, cinco competências são usadas como meios de avaliar a competência discursiva e argumentativa no Enem, são elas:

1 - Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita
Nessa competência, a proposta é verificar a capacidade discursiva do aluno a partir da observância das Normas Gramaticais Brasileiras, ou seja, avalia-se a capacidade d esse escrever de acordo com a norma padrão, em língua portuguesa moderna e clara. Evidentemente, também é examinada a forma de o candidato expressar-se de forma relevante e que conspire a favor do que se diz. Enfim, avalia-se o como se escreve a partir da compreensão dessa faculdade na condição de ferramenta fundamental para se atribuir relevância e potência ao que se pensa e escreve.

2 - Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo
Entender a discussão proposta pela prova é condição fundamental para a confecção de redação de acordo com o esperado pela banca, para tanto é imprescindível que, antes de escrever bem, o candidato seja capaz de ler de forma eficiente e intertextual. Essa competência define a capacidade de se escrever bem sob demanda, já que, para desenvolver uma dissertação em que se articule conhecimentos de várias áreas, é fundamental o entendimento satisfatório do tema e das orientações da proposta.
Em razão disso, o chamado “conhecimento de mundo” e as leituras feitas ao longo da vida do aluno são determinantes para se escrever um texto competitivo. Nessa competência, avalia-se também questões de ordem estrutural como a adequação do candidato à linguagem prosaica e à estrutura clássica do texto dissertativo redação.

3. Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista
Essa orientação esclarece o interesse da banca de apontar para que nos textos os candidatos sejam competentes na veiculação de posicionamentos claros e precisos a respeito do debate suscitado pela prova de redação do Enem. A fim de que essas opiniões sejam consideradas razoáveis e coerentes, é crucial que aluno saiba julgar quais melhores informações, ilustrações, exemplos, citações, etc., usar para comprovar seu ponto de vista.

4. Demonstrar conhecimento dos mecanismos lingüísticos necessários para a construção da argumentação
Neste item, avalia-se a qualidade do uso de operadores discursivos capazes de atribuir a um texto qualidades relacionadas ao estabelecimento de coesão e coerência nele. Para isso, é imprescindível o uso de elementos de coesão textual (advérbios, conjunções, etc.) entre as sentenças da redação, que são responsáveis pelo estabelecimento de relações semânticas ou de sentido entre parágrafos, períodos ou orações para que as idéias contidas nelas sejam melhor compreendidas, em especial no que elas tem interdependente.
Quanto à coerência textual, avalia-se o emprego adequado de fatores tal como a situacionalidade, a informatividade, os fatores de contextualização, a intertextualidade,etc., que são responsáveis por tornar um texto inteligível, relevante e contextualizado, enfim apto a ser compreendido.

5. Elaborar proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural
            O Enem é um exemplo único de concurso que avalia objetivamente a capacidade de o candidato propor soluções humanitárias e tolerantes em relação a questões étnicas, políticas, estéticas e ideológicas para uma situação-problema apresentada pela prova.
            Por isso, é fundamental que o candidato abandone qualquer tipo de argumentação baseada em preconceitos, generalizações e idéias fundamentalistas, por, nesses casos, a redação será severamente penalizada, isto é, o texto feito no Enem tem a função de reforçar uma grande quantidade de avanços no combate do preconceito e do pragmatismo insensível a valores humanos fundamentais listados na Declaração Universal dos Direitos do Homem.

Seguem orientações esquematizadas sobre a correção de redações no Enem contidas no “site” do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep):

As redações deverão ser corrigidas com base nas cinco competências expressas na Matriz do Enem e traduzidas para uma situação específica de produção de texto.

Modelo de Análise da Redação do Enem

Competência
Na situação de produção de texto
Níveis
1
Demonstrar domínio   da norma culta da língua escrita.
1. Domínio precário da norma culta, com graves e freqüentes desvios gramaticais, de escolha de registro e de convenções da escrita.
2. Domínio razoável da norma culta, com desvios gramaticais, de escolha de registro e de convenções da escrita, pouco aceitáveis nessa etapa de escolaridade.
3. Bom domínio da norma culta, com pontuais desvios gramaticais e de convenções da escrita.
4. Muito bom domínio da norma culta, com raros desvios gramaticais e de convenções da   escrita.
2
Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
1. Desenvolvimento tangencial do tema e apresentação embrionária do tipo de texto dissertativo-argumentativo; ou desenvolvimento tangencial do tema e domínio razoável do tipo de texto dissertativo argumentativo; ou desenvolvimento razoável do tema e apresentação embrionária do tipo de texto dissertativo-argumentativo.
2. Desenvolvimento razoável do tema, a partir de considerações próximas do senso comum, e domínio precário do tipo de texto dissertativo-argumentativo.
3. Desenvolvimento razoável do tema e domínio razoável do tipo de texto dissertativo-argumentativo.
4. Bom desenvolvimento do tema, a partir de um repertório cultural produtivo e de considerações que fogem ao senso comum, e bom domínio do texto dissertativo-argumentativo.
3
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
1. Apresenta informações, fatos e opiniões precariamente relacionados ao tema.
2. Apenas apresenta informações, fatos e opiniões, ainda que pertinentes ao tema proposto, ou limita-se a reproduzir os argumentos constantes na proposta de redação.
3. Seleciona informações, fatos, opiniões e argumentos pertinentes ao tema proposto, organizando-os e relacionando-os de forma pouco consistente em relação ao seu projeto de texto.
4. Seleciona, organiza e relaciona, de forma consistente, informações, fatos, opiniões e argumentos pertinentes ao tema proposto em defesa do ponto de vista defendido em seu projeto de texto.
4
Demonstrar conhecimento dos mecanismos lingüísticos necessários para a construção da argumentação.
1. Desarticulação das partes do texto.
2. Articulação precária das partes do texto, devido a problemas freqüentes na utilização dos recursos coesivos.
3. Articulação razoável das partes do texto, com problemas eventuais na utilização dos recursos coesivos.
4. Boa articulação das partes do texto, sem problemas graves na utilização de recursos coesivos.
5
Elaborar proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.
1. Não elabora explicitamente uma proposta e não fere os princípios dos valores humanos e da diversidade sociocultural.
2. Esboça algumas idéias que podem ser o núcleo de uma proposta, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.
3. Elabora proposta genérica de intervenção sobre a problemática desenvolvida, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.
4. Elabora proposta específica, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

Propostas de redação do Enem

1998
Redija um texto dissertativo, sobre o tema “Viver e Aprender” , no qual você exponha suas idéias de forma clara, coerente e em conformidade com a norma culta da língua, sem se remeter a nenhuma expressão do texto motivador “O Que É O Que É” .
Dê um título à sua redação, que deverá ser apresentada a tinta e desenvolvida na folha anexa ao Cartão-Resposta. Você poderá utilizar a última página deste Caderno de Questões para rascunho.

1999
Com base na leitura dos quadrinhos e depoimentos, redija um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo, sobre o tema: Cidadania e participação social.
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos ao longo de sua formação. Depois de selecionar, organizar e relacionar os argumentos, fatos e opiniões apresentados em defesa de seu ponto de vista, elabore uma proposta de ação social.
A redação deverá ser apresentada a tinta na cor azul ou preta e desenvolvida na folha grampeada ao Cartão-Resposta. Você poderá utilizar a última página deste Caderno de Questões para rascunho.

2000
Com base na leitura da charge, do artigo da Constituição, do depoimento de A.J. e do trecho do livro O cidadão de papel, redija um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo, sobre o tema: Direitos da criança e do adolescente: como enfrentar esse desafio nacional?
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender o seu ponto de vista, elaborando propostas para a solução do problema discutido em seu texto.

2001
Com base na leitura dos quadrinhos e dos textos, redija um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema: Desenvolvimento e preservação ambiental: como conciliar os interesses em conflito?
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender o seu ponto de vista, elaborando propostas para a solução do problema discutido em seu texto. Suas propostas devem demonstrar respeito aos direitos humanos.

2002
Considerando a foto e os textos apresentados, redija um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema O direito de votar: como fazer dessa conquista um meio para promover as transformações sociais de que o Brasil necessita?
Ao desenvolver o tema, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões, e elabore propostas para defender seu ponto de vista.

2003
Considerando a leitura do quadro e dos textos, redija um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema: A violência na sociedade brasileira: como mudar as regras desse jogo?
Instruções:
• Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista, elaborando propostas para a solução do problema discutido em seu texto. Suas propostas devem demonstrar respeito aos direitos humanos.
• Lembre-se de que a situação de produção de seu texto requer o uso da modalidade escrita culta da língua portuguesa.
• O texto não deve ser escrito em forma de poema (versos) ou de narrativa.
• O texto deverá ter no mínimo 15 (quinze) linhas escritas.
• A redação deverá ser apresentada a tinta e desenvolvida na folha própria.
• O rascunho poderá ser feito na última folha deste Caderno.

2004
Com base nas idéias presentes nos textos acima, redija uma dissertação em prosa sobre o seguinte tema: Como garantir a liberdade de informação e evitar abusos nos meios de comunicação?
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista e suas propostas.

2005
Com base nas idéias presentes nos textos acima, redija uma dissertação sobre o tema: O trabalho infantil na realidade brasileira.
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista e suas propostas, sem ferir os direitos humanos.

2006
Considerando que os textos acima têm caráter apenas motivador, redija um texto dissertativo a respeito do seguinte tema: O poder de transformação da leitura.
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista e suas propostas, sem ferir os direitos humanos.

2007
Todos reconhecem a riqueza da diversidade no planeta. Mil aromas, cores, sabores, texturas, sons encantam as pessoas no mundo todo; nem todas, entretanto, conseguem conviver com as diferenças individuais e culturais. Nesse sentido, ser diferente já não parece tão encantador. Considerando a figura e os textos acima como motivadores, redija um texto dissertativo-argumentativo a respeito do seguinte tema.
O desafio de se conviver com a diferença
Ao desenvolver o tema proposto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista e suas propostas, sem ferir os direitos humanos.
Observações:
• Seu texto deve ser escrito na modalidade padrão da língua portuguesa.
• O texto não deve ser escrito em forma de poema (versos) ou narração.
• O texto com até 7 (sete) linhas escritas será considerado texto em branco.
• O rascunho pode ser feito na última página deste Caderno.
• A redação deve ser passada a limpo na folha própria e escrita a tinta.

2008
O texto acima, que focaliza a relevância da região amazônica para o meio ambiente e para a economia brasileira, menciona a “máquina de chuva da Amazônia”. Suponha que, para manter essa “máquina de chuva” funcionando, tenham sido sugeridas as ações a seguir:
1 suspender completa e imediatamente o desmatamento na Amazônia, que permaneceria proibido até que fossem identificadas áreas onde se poderia explorar, de maneira sustentável, madeira de florestas nativas;
2 efetuar pagamentos a proprietários de terras para que deixem de desmatar a floresta, utilizando-se recursos financeiros internacionais;
3 aumentar a fiscalização e aplicar pesadas multas àqueles que promoverem desmatamentos não-autorizados.
Escolha uma dessas ações e, a seguir, redija um texto dissertativo, ressaltando as possibilidades e as limitações da ação escolhida.
Ao desenvolver seu texto, procure utilizar os conhecimentos adquiridos e as reflexões feitas ao longo de sua formação. Selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista, sem ferir os direitos humanos.

2009 – cancelado
            Com base na leitura dos seguintes textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em norma culta escrita da língua portuguesa sobre o tema Valorização do idoso, apresentando experiência ou proposta de ação social, que respeite os direitos humanos. Selecione, Organize e Relacione, de forma coerente e coesa, Argumentos e Fatos para defesa de seu ponto de vista.
Observações:
• Seu texto deve ser escrito à tinta, na Folha de Redação, que se encontra no fim deste Caderno.
• Desenvolva seu texto em prosa: não redija narração, nem poema.
• O texto com até 7 (sete) linhas escritas será considerado em branco.
• O texto deve ter, no máximo, 30 linhas.
• O Rascunho da redação deve ser feito em local apropriado, no final deste Caderno.

2009
            Com base na leitura dos seguintes textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em norma culta escrita da língua portuguesa sobre o tema O indivíduo frente a ética nacional, apresentando proposta de ação social, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione coerentemente argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

2010

Com base na leitura dos seguintes textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma culta escrita da língua portuguesa sobre o tema O Trabalho na  Construção da Dignidade Humana, apresentando experiência ou proposta de ação social, que respeite os direitos  humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

2010 - Segunda aplicação

Com base na leitura dos seguintes textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo, em norma culta escrita da língua portuguesa, sobre o tema Ajuda Humanitária, apresentando experiência ou proposta de ação social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para a defesa de seu ponto de vista.

2011

Com base na leitura dos textos motivadores seguintes e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema VIVER EM REDE NO SÉCULO XXI: OS LIMITES ENTRE O PÚBLICO E O PRIVADO, apresentando proposta de conscientização social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.